17 comentários sobre “Sob o Domínio de Napoleão – parte 2

  1. Napoleão foi um grande lider frances trazendo varios beneficios para a frança, mas terminou rejeitado e com uma baixa popularidade por nao ter sido mais visionario. colocou limites ao comercio entre outro aspectos que levou ao colapso

  2. Nesta parte, Napoleão organiza novos ataques às outras potências europeias, como a Inglaterra. Foi criado, por exemplo, o bloqueio continental, onde todos os país europeus foram proibidos de fazer qualquer tipo de relação econômica com a Inglaterra. Isso trouxe vários problemas financeiros para os demais países, uma vez que a potência da época era um grande cliente. Com o tempo, um dos principais aliados da França, a Rússia, foi rompendo as barreiras impostas por Napoleão. Com isso, iniciou-se a rivalidade entre o exército napoleônico e a nação Russa. Entretanto, exército da França já estava muito franco, e o rigoroso inverno dificultou ainda mais as coisas.
    Pode-se ver que antes, as pessoas que estavam ansiosas para receberem as influencias da Revolução Francesa em seus países, começaram a se juntar para vencer Napoleão, que teve de exilar-se na ilha de Santa Helena, onde após pouco tempo morreu.

  3. O video explica como Napoleão chegou ao poder, deixando de lado a igreja e o estado, e visando derrotar seu maior inimigo, a Inglaterra. Em 1804,Napoleão se tornou o imperador da França, com isso, criou o código que recebeu seu nome, proibindo qualquer sindicato trabalhador operário. No código, os princípios liberais também foram reafirmados. Em 1806, criou o bloqueio continental, que impedia qualquer país da Europa de ter relações comerciais com a Europa. Visando expandir se império, e derrotar o maior rival, Napoleão reuniu seu exercito e #partiu para uma batalha contra a Rússia. Após, quatro estados europeus formaram a santa aliança e restabeleceram à monarquia absolutista. Napoleão ainda tentou retomar poder, sem sucesso.

  4. Na segunda parte do vídeo, entendemos como Napoleão, já se acostumando a tantas vitórias e sempre querendo mais, começava a olhar para seus inimigos com um certo desdém. Buscando uma vitória com a maior rival francesa, a Inglaterra, Bonaparte arquitetou, juntamente com o czar russo, um Bloqueio Econômico, que proibia qualquer país sob o domínio de qualquer um dos dois de comercializar quaisquer bens com a Grã-Bretanha, mas essa ação custou caro, pois a Europa, em geral, perdeu um grande cliente e fornecedor, o que gerou uma crise econômica. Com isso, o czar foi obrigado a se violar o acordo e comercializar com os ingleses, o que logicamente deixou Napoleão com muita raiva e o fez travar uma guerra com a Rússia, cujas primeiras batalhas não resultaram em nada. Surpreendidos pelo rígido inverno russo, os soldados do general francês sofreram muitas e muitas baixas, perdendo dessa vez. Fisicamente alheio à guerra, o imperador insistia em guerrear com o czar, mas seu povo já não mais lutava por ele. A derrota na Rússia finalmente fez toda a Europa perceber que o exército de Napoleão não era invencível e alguns países decidiram se unir para derrotar o império napoleônico. Rússia, Prússia, Áustria e Grã-Bretanha se formaram a Santa Aliança, que derrotou de vez o exército de Napoleão na batalha de Waterloo, na atual Bélgica. Depois disso, Bonaparte foi deposto e a dinastia dos Bourbon voltou ao poder na França e os países vencedores promoveram o Congresso de Viena, para redistribuir os territórios da Europa. Napoleão ainda tentou tomar a França de novo, mas fracassou. Morreu assim, isolado, o grande general que um dia conquistou grande parte da Europa.

  5. Napoleão, sendo um grande imperador e experiente em guerras, obteve poder e um território muito grande, localizado por toda a Europa. Porém quando tentou invadir a Rússia, obteve uma campanha muito desastrosa, sendo obrigado a abdicar do poder e exilar-se na ilha de Elba. Um ano depois, em 1815, organizou um exército e tentou retomar o poder, mas perdeu na famosa batalha de Waterloo, Bélgica. Foi deportado para a ilha de Santa Helena, onde morreu em 5 de maio de 1821.

  6. O vídeo é bem interessante pois nele explica como chegou a sua queda, que foi causada pelo mesmo motivo de sua altura, seu comando de toda a Europa e a separação da igreja e do estado. Mas sua queda aconteceu mesmo na tentativa de derrubar a Russia que se juntou com outros países para derrubar Napoleão. Após diversas batalhas seu exército já estava fraco, sendo derrotado e mostrando que não era indestrutível.

  7. Adorei e achei o vídeo ótimo, por mostrar uma situação importante e que eu particulamente desconhecia, o fato de Napoleão, um homem que se tornou tão poderoso, ter cavado o buraco para sua própria queda..
    E por não ter sido muito inteligente, e não ter avaliado todas as possibilidades para suas ações e/ou medidas acabou morrendo odiado e repudiado pelo seu povo, pelo mundo.
    Ele se equivocou por exemplo ao fazer o bloqueio continental e ao atacar a Rússia no inverno, erro que voltou a ser cometido por Adolf Hitler, durante a segunda guerra mundial.
    Por outro lado, deve-se compreender que a vida é isso mesmo, ninguém pode governar nada pra sempre, e ninguém é capaz se sair bem-sucedido em todas suas ações.
    Avaliando Napoleão de forma geral, podemos dizer que ele fez grandes coisas, muitas boas, outras tantas ruins.

  8. Nesse segundo trecho podemos observar a consequência das atitudes de Napoleão e sua derrota.
    Depois de dominar Berlim Napoleão explora a nova região, enquanto seus soldados se alojam nas casas de habitantes locais que eram obrigados a sustentar as necessidades dos hóspedes e eram responsáveis por todas as suas despesas. Napoleão retorna a França, mas se mantêm informado da situação em todo o seu território dominado, ele faz isso por meio da tecnologia de seus telégrafos que também são importantes instrumentos de guerra que foram responsáveis por algumas de suas vitórias. Napoleão também criou enorme gosto por obras de arte tomando-as de todas as regiões dominadas.
    O próximo alvo de Napoleão foi Londres, a grande potência que era sua principal inimiga. Para isso ele estabeleceu um Bloqueio Econômico com o apoio do czar russo, o bloqueio afirmava que nenhuma nação europeia sob seu comando poderia negociar com a Inglaterra. Essa medida acabou por provocar o colapso da agricultura e do comércio que perderam um importante cliente. Os produtos que eram exportados pela Inglaterra também se tornaram escassos e para que as medidas funcionassem corretamente milhares de tropas foram mobilizadas para reforças os bloqueios nos portos, mas havia ainda os mercadores que praticavam contrabando. Napoleão estava perdendo a capacidade de pensar a longo prazo e passou a subestimar seus inimigos.
    A economia da Inglaterra florescia com exportações ilegais feitas para países europeus apesar de toda a luta para impedir esse tipo de comércio. Napoleão inda pretende manter seu Bloqueio Continental para com a Inglaterra, no entanto, o czar russo se retira do acordo e volta a negociar com os ingleses, o que motivou o imperador a entrar em guerra com a Rússia, mas para manter o exército napoleônico seria necessária uma grande quantidade de espaço, alimentos, tendas, cobertores, etc. que deveriam ser fornecidos pelas áreas onde estavam abrigados os soldados, o que limpou os cofres dessas regiões.
    O exército de Napoleão está pronto e segue para a fronteira russa, o czar e Napoleão dividiam a Europa, mas por querer o poder e ter a necessidade de reforçar o bloqueio ele quer tornar o czar um subordinado, o que a Rússia não pode permitir, além disso, ele cria o grande ducado de Varsóvia, outra medida que desagrada imensamente os russos. Diante da guerra quando os países se encontram frente a frente a Rússia se retira com dezenas de baixas em ambos os lados e sem vitória por parte de nenhum dos lados, de lá o exército marchou para Moscou, no entanto, encontraram a região vazia e abandonada, com poucas casas habitáveis e completamente destruída e em chamas, as tropas de Napoleão saem de lá por pouco . Chega então o inverno, para o qual o exército não está preparado, centenas morrem todos os dias, muitos estão doentes e famintos e com frio.
    Após a derrota Napoleão continuou a tenta recrutar homens para seu exército, no entanto, ninguém mais estava disposto a enfrentar guerras por ele e ocorriam revoltas por toda parte.
    Napoleão monta tropas novas independente de sua revolta na Rússia, mas já é tarde, os governantes europeus se aliam contra Napoleão e várias pessoas contribuem com ajuda financeira e se oferecem para lutar contra o exército napoleônico. Em 1813 as tropas de Napoleão são encurraladas pelos exércitos aliados e depois de dias de luta, seu exército é derrotado. Em 1814 os exércitos aliados entram em Paris seus guardas recusam suas lealdades e o imperador é deposto. Ele vai para o exílio e torna-se o imperador de Elba, no entanto, em 1815 ele aparece na França e rapidamente junta um exército. No mesmo ano, perto para uma cidade europeia e de lá ele é levado pelos ingleses para o exílio na Ilha de Santa Helena, onde ele acaba morrendo anos depois.
    Nesse último trecho observamos que um homem de origem humilde conseguiu se tornar grade, mas acabou por cometer atos impensados e desumanos e foi derrotado após deixar o poder subir à sua cabeça.

  9. O vídeo nos mostra a queda de Napoleão do poder, no qual tudo começou com o desejo do imperador de derrotar a Inglaterra, algo que já havia tentando há tempos, mas não conseguia devido o poder do exército dessa nação. Assim, Napoleão estabelece o bloqueio econômico sobre a Inglaterra, no qual nenhum mercado europeu podia negociar com a Inglaterra. Depois de um tempo, esse bloqueio acabou sendo quebrado pela Rússia, assim, foi declarada guerra entre Napoleão e a nação Russa. Foi nesse momento, em meio a inúmeras batalhas que o exército napoleônico se enfraqueceu, tanto pelos difíceis climas que seus homens estavam enfrentando em território russo quanto aos aliados que tinham se unido à Rússia e buscavam acabar com Napoleão. E foi o que aconteceu, fraco, o exército napoleônico foi derrotado e, assim, finalmente foi provado que esse não era indestrutível.

  10. O vídeo é bem informativo e bom, pois explica como o Napoleão chegou ao poder, como ele separou a igreja e o estado e conseguiu liderar quase todo o continente europeu, mas essa ambição por poder foi um dos principais fatores para a sua queda, pois ele foi derrotado tentando invadir o território russo e depois disso 4 países formaram uma aliança para derrubar Napoleão

  11. Apesar de ser um grande líder, Napoleão durante seu governo cometeu alguns erros. Napoleão ficou com uma completa cede pelo poder e acabou levando a situação longe demais. Ele acabou por provocar medo a todos que passaram por seu caminho inclusive seus inimigos mais poderosos, como a Inglaterra. Além disso, foi um erro tremendo colocar o Bloqueio Continental. Isso provocou grande revolta da população francesa que queria a monarquia de volta. Mas o pior erro de todos foi atacar a Rússia em pleno inverno, mesmo erro de Adolf Hitler na Segunda Guerra Mundial. Com essa invasão à Rússia, Napoleão perdeu milhares de soldados.

  12. Napoleão Bonaparte; muito mais que um simples componente do exército frânces, trouxe mudanças radicais para a França, Europa etc. que ainda os fazem. Além de tudo, o GRANDE, de fato, Napoleão ocupava seu lugar na Terra com clemência e generosidade, dessa maneira conquistou a confiança das pessoas alma por alma. Deu vez a justiça, ao romantismo (movimento inconsciente surgido durante o Período Napoleônico).
    Quando matou a sua cede de poder, selecionou seu alvos, os quais eram grandes concorrentes econômicos que tinham rincha desde o período pré-revolucionário (Inglaterra). Tentou dominar seu rival, e ao final da conquista partir para o ataque (podemos chamar de vingança).

  13. Eu achei ele muito bom porque ele fala sobre a como realmente aconteceram as coisas dentro do domínio de napoleão, e mostrava como o povo pensava e reagia.

  14. Napoleão foi um grande líder e um dos homens mais importantes da história: isso é inegável. Ele trouxe ao mundo algumas das ideias políticas mais inovadoras, como a separação entre Estado e Igreja. Infelizmente, ele foi de certa forma corrompido pelo poder e, após tomar várias decisões equivocadas (como limitar o comércio e invadir a Rússia no inverno), acabou perdendo sua posição de grande imperador que ele tanto almejava manter. Ele ainda tentou recuperar tal posição, mas não obteve sucesso.

  15. Napoleão, mesmo trazendo pontos positivos a França, teve seu deslize, morrendo rejeitado pelo povo, pelo mundo. O seu erro foi não ter visto possibilidades e não vendo boas oportunidades, seguindo assim um caminho difícil. O povo estava sustentando o exército, ele estava pegando dinheiro de seus outros territórios para melhorar a França e estava colocando limites no comércio. O que fez com que tudo isso entrasse em colapso foi declarar guerra contra a Rússia no inverno, com muitos soldados despreparados levou a morte de vários. O povo, então revoltado, o queria fora do poder, mas Napoleão recusava-se a se retirar, trazendo a fúria do povo.

  16. Napoleão, ao subir no poder, foi sendo reconhecido como um grande líder, soube governar a Europa. Ele separou igreja e Estado,deu um novo código legal a Europa, suas reformas mudaram a vida diária de um continente.Napoleão realmente mudou o mundo, mas o poder não pode permanecer na mão do “rei” para sempre, então em 1921 Napoleão morre, repudiado pelo mundo.

  17. O video é otimo! Mostra muito bem como Napoleão, assim como muitos outros no poder, cavou seu proprio buraco. É incontestavel o fato de que mudara a realidade de forma drastica, de forma revolucionaria e evolutiva. Mas seu deslize, talvez, foi nao pensar em todas as possibilidades, mesmo naquelas que nao teriam chance de acontecer. Devia ter pensado na crise em que estava levando seu povo ao declarar o bloqueio continental. Porque como se ja não fosse o suficiente os proprios cidadãos terem que sustentar o exercito com o pouco que tinha, e esse mesmo pouco ter que ser “saqueado” de suas cidades para reerguer a França, tinham também que se virar nos limites impostos por Napoleão em relação ao comercio. Aquela mais inteligente com a percepçao de que nao funcionaria, foi a Rússia e o mais estupido foi Napoleão em declarar guerra e tentar invadi-la no inverno! O resultado foi a morte de muitos soldados, mas Napoleão mesmo assim nao desistira de ser O Imperador. E isto desencadeou a revolta da populaçao, que acabou se opondo àquele que antes veneravam com tanto fervor e orgulho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s