Milton Santos – Globalização – parte 1

Fonte de apoio – 9o Ano – Filosofia

Anúncios

24 comentários sobre “Milton Santos – Globalização – parte 1

  1. o vídeo, mostra as duas primeiras passagens da globalização; na primeira, a sua grande marca de passagem foram as disputas territoriais; já na segunda foi a fragmentação desses territórios e agora estaríamos vivenciando a terceira. No final do vídeo, há uma citação interessante sobre as formas da globalização; a primeira forma de visão desta, seria a globalização como falam; a segunda, ela como realmente é, e por fim a terceira… uma outra globalização.

  2. Esse vídeo mostra o lado mais ganancioso e destruidor do capitalismo, como ele vem, desenfreadamente, destruindo culturas e povos para o próprio benefício.

  3. Pelo que o vídeo mostra, a globalização foi ”iniciada” nas grandes navegações, logo na dominação de terras, que prejudicou nativos de várias regiões, até hoje as pessoas são prejudicadas por essa globalização, pois ela não é considerada (pelo menos por mim) equilibrada, é como se existisse 2 tipos de globalização, a globalização das pessoas que são beneficiadas e consideradas poderosas e a globalização das pessoas que não tem uma qualidade de vida boa, pessoas que são excluídas.

  4. No vídeo mostra como a globalização surgiu na época da colonização e quando foi ligada a fragmentação do território. Também fala sobre os três mundos que são: A forma que falam da globalização, ou seja, o que “dão” para nós, o mundo de verdade e o que ele poderia ser.

  5. O vídeo nos faz pensar no que o mundo se tornou e a tamanha influência dos países situados no Norte, sobre os do Sul. O nosso primeiro contato com a globalização foi durante a ocupação territorial, mas infelizmente esse processo destruiu muitas culturas e povos. E em seguida, ocorreu a fragmentação dos territórios.
    Nunca houve uma contradição tão grande em um grupo tão pequeno de países. Podemos dizer que existe 3 mundos em um só; o 1º é como nos fazem ver, a globalização como é falada; o 2º é o mundo tal como ele é; e o 3º é o mundo como ele pode ser, uma outra globalização.

  6. Em primeiro lugar o vídeo explica que a globalização ocorreu durante as grandes navegações o que possibilitou um maior fluxo comercial e a descoberta de novos produtos. Em consequência disso houve uma exterminação gigantesca dos nativos. Essa primeira globalização estava marcada pelo colonialismo europeu. E também houve uma segunda globalização que estava relacionada com a fragmentação do território. E Milton Santos explica que o consumismo estava deixando de lado os valores humanistas. Segundo Milton Santos havia 3 mundos, o primeiro era o mundo iludido pela mídia, o segundo seria o mundo como realmente é e o terceiro uma possível nova globalização.

  7. O video eh muito bom, pois fala do mundo no dia de hoje e o que pode acontecer daqui pra frente. O video explica como estamos na globalizaçao. E muita coisa mudou e q tende a mudar mais, e nos fala q temos q ter esperança de q mude…

  8. A globalização se iniciou dês de muitos séculos atrás e se desenvolveu mais ainda com o surgimento de um mundo capitalista, é possível identificar três formas de ver o mundo de hoje, a primeira é o mundo tal qual como vemos, a globalização como fala, a segunda seria o mundo tal como ele é, mostrando o lado perverso da globalização, a terceira é uma possível globalização, o mundo como ele pode ser… ‘’uma outra globalização’’.

  9. Como vimos no vídeo as primeira forma de globalização, surgiu na época das grande navegações, com a época das colonizações; Junto com ela, podemos ver que já havia exclusão de, as mais marcantes foram a de índios e negros, escravizando-os e os impossibilitando de ter uma vida livre e digna. Com o passar do tempo as exclusões ainda são presentes, só não igual a da época das grande navegações; Surge no século 20, novas revoluções, onde o capitalismo está mais que presente, isso trás maior exclusão social, pois algumas pessoas que tem maior poder tem acesso e outras não, e até hoje é assim. E isso nos faz ver os tipos de globalização que foram citadas: a globalização que nos fazem ver, e real globalização. E uma terceira: uma que pode ser.

  10. O vídeo é muito legal, já que nos faz pensar sobre o mundo onde vivemos, já que mostra como estamos imersos na globalização. Porém, mesmo assim, Milton nos mostra também o lado da esperança, já que o futuro possa ser diferente, mas somente se nós mudarmos algo.

  11. Achei muito interessante o moso que o video fala do inicio da globalizaçao e de como o mundo moderno está submerso em uma espécie de desterrotorialização, se obervarmos o territorio no somente um pedaçp de terra, mas tambem onde a comunidade desenvolve a sua cultura.

  12. O primeiro vídeo discorre sobre os impactos da primeira Globalização nas terras colonizadas, que perderam parte de suas culturas enquanto eram dominadas por outras. Para Milton Santos, “o centro do mundo está onde você está”, que significa que a sua cultura tem mais valor e importância do que quaisquer outras e que o indivíduo deve assim, valorizá-la e não deixar que outras se imponham. Segundo o geógrafo, a segunda globalização aconteceu no sec. XX e foi marcada pela fragmentação dos territórios, o que aqui significa que o bem-estar humano, a boa vida, perde todo o seu valor em prol das empresas multinacionais que querem impor mais e mais o consumo, que faz com que consideremos a possibilidade de existirem três mundos dentro desse: o primeiro, ilusório, que é como o mundo nos é mostrado, completamente globalizado; o segundo, real, que é o mundo tal qual ele existe; e o terceiro, ilusório e hipotético, é o mundo tal qual ele poderia ser.

  13. o video mostra que as ocupaçoes territoriais iniciaram o processo de globalizaçao , e essas ocupações geraram uma destruição culturao de muitos povos.
    Fala também sobre o século XX o seculo das revoluções , principalmente sobre as revolções tecnológicas
    fala que o mundo foi perdendo muito de suas culturas uma dela foi o socialismo que foi substituido pelo captalismo

  14. Desde o tempo das embarcações a injustiça está expressa no mundo. A ambição, ganância e interesse de dominar, tomou conta dos colonizadores, que mataram milhares de nativos, destruindo culturas repassadas de gerações em gerações, extinguindo línguas, impondo sua cultura, determinada por eles única, absoluta, e tudo isso para que? Para dominar terras e ganhar poder. Como pode interesses como esses passarem por cima de povos inocentes. Dessa forma o mundo evoluiu, avanços tecnológicos ocorreram e cada vez mais vão sendo renovados, as diferentes nações se aproximaram, e dessa forma surgiu a 2ª globalização. Mas por outro lado, aspectos negativos também apareceram. O consumo teve alta, deixando o capitalismo crescer cada vez mais e dominar a sociedade, baseando-se na opressão do trabalhador. Assim foi se desenvolvendo um mundo desigual, perfeito para alguns, que fecham os olhos e negam a realidade de seus incomuns, e triste e frio para outros, que sem moradia moram em ruas e vivem de esmolas.

  15. é muito esclarecedor ver como se deu o processo de globalização e também a parte negativa dela que dentre outros problemas causados se deu a perca de 80 milhões de indígenas nativos, 70 milhões foram exintos, causando o extermínio de culturas, povos e 2000 línguas

  16. Eu achei interessante o vídeo pois ele fala realmente sobre a globalização, la diz que existem 2 globalizações, a primeira e a segunda. Segundo o vídeo na primeira globalização foi marcada pelas viagens de descobrimento e conquista, também falam que entre 1500 e 1600 dos 80 milhões de nativos existentes na America latina 70 milhões foram mortos perdendo mais de 2000 línguas. A segunda globalização foi marcada pela fragmentação dos territórios.

  17. Segundo o vídeo, houve uma primeira globalização, em que houve a ocupação do território dos nativos, pelos europeus, o que prejudicou os que moravam lá, por ter sido feita desorganizadamente. E também houve a segunda fase da globalização, que foi marcada pelos campos da técnica e da política, já que houve a aproximação da cidade e do campo.
    Assim, o capitalismo se consolidava, e o objetivo era fazer com que as coisas fossem compradas, sem pensar muito no humanismo. Isso impediu o fato de poder ter igualdade na sociedade hoje em dia.

  18. tudo começou com as grandes navegações que foram feitas com o objetivo de dominar territórios, Essa descolonização foi tão intensa que de oitenta milhões de nativos na América pré-colombiana, setenta milhões foram exterminados, e foram junto com eles duas mil línguas.
    .Essa ocupação territorial foi considerada como a primeira globalização, e a segunda globalização foi demarcada pela fragmentação dos territórios, no início do século vinte com a criação de vários produtos industrializados.

  19. O vídeo me fascinou pela forma como mostra o processo de globalização ocorrida à 500 anos atrás, além de mostrar que haviam aproxidamente 80 milhões de indígenas nativos destas terras e que cerca de 70 milhões foram mortos, levando embora culturas, povos, hábitos, costumes e mais de 2000 línguas. Outra parte marcante é mostrar as diversas revoluções ocorridas no decorrer do século XX, Milton Santos se supera ainda mais ao explicar que ser negro ou ser um intelectual no Brasil são coisas muito dificeis, as duas coisas juntas é pior ainda, e também ao mostrar dados relacionando a renda de norte-americanos com a de pessoas que passam fome no continente africano, e a divisão da terra em NORTE E SUL.

  20. É interessante imaginarmos, como a globalização que vivemos hoje, pode resultar em uma sociedade tão excludente. É algo que foge totalmente dos conceito que tiramos de um mundo globalizado, de um mundo abrangente, de algo que seja um todo, mas pelo visto esse ‘todo’ tem suas condições. Podemos assim dividir essa globalização(algo globalizado pode ser dividido dividido?) em 3 grupos: O maior de todos, no qual se encaixam as pessoas iludidas pela mídia. O segundo grupo, são as pessoas excluídas, aquelas que não tem vez e nem voz. e o terceiro seria, no caso, as grandes corporações e o governo, que estão a frente de tudo e todos. O vídeo, mostra pensamentos bem interessantes, sobre esse mundo que vivemos, o que me chamou mais atenção, foi principalmente o fato de que essa globalização teve inicio a algum tempo,ou pelo menos, foi resultado de um processo histórico,muito anterior ao que imaginamos. Ele mostra a questão das grande navegações como o começo de tudo, pois foi a a partir dessa época que se desencadeou o começo de algo viria a ser o capitalismo. As Revoluções industriais aceleraram esse processo. Logo depois veio o seculo XX que foi marcado pelas revoluções do consumo, e por fim, a atualidade que resultou na dependência do capitalismo.

  21. De acordo com o vídeo, a primeira globalização foi marcada pela ocupação territorial (ocupação essa que foi feita desorganizadamente, prejudicando os nativos) dos países colonizados (como os da América) pelos colonizadores europeus. Também houve uma segunda globalização, que foi marcada pela fragmentação dos territórios. O foco agora estava no consumismo e não no humanismo.
    A globalização tem seus pontos positivos e negativos: se ela fosse “bem administrada”, o mundo seria menos desigual e a qualidade de vida seria melhor.

  22. O primeiro olhar sobre a globalização surgiu na época da colonização, em que ocorreram processos de povoamento, exploração e dominação em em terras que já estavam ocupadas por nativos.

    Com a globalização, o capitalismo foi priorizado no mundo ocidental enquanto o socialismo foi criado em uma realidade mais profunda. Então se tudo se torna capitalista, a contradição se instala em algum momento.

  23. achei interessante o mito do desenvolvimento em riqueza nos países do norte e a contradição nos países de baixo, somente pela percepção das luzes olhadas de cima em um satélite, e eu percebo que infelizmente está crescendo ainda mais o desenvolvimento e a riqueza em alguns países e crescendo em dobro a pobreza em outros países subdesenvolvidos, isto é, a nossa visão da globalização é a segunda, tal como ela é e se apresenta ruim ao mundo. tudo isto causado pelo nosso passado histórico.

  24. Tudo o que somos hoje, consumidores; ganaciosos; interesseiros… Mudou perceptivelmente no decorrer de várias gerações. Mas o conceito o qual é impregado atualmente a essas palavras, são os exemplos mais clichês sobre a consequência de nosso passado histórico sobre o presente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s